Mulher de 32 anos, solteira.

maoscoracaoA paciente veio ao meu consultório buscando respostas às suas indagações: “Qual é a minha missão de vida?”; “Devo mudar de emprego?”

Essas questões a atormentavam muito, daí sua vinda a essa terapia – a TRE -, para que o seu mentor espiritual lhe esclarecesse e respondesse as indagações.

Após passar por duas sessões de regressão, na 3ª e última sessão, a paciente me relatou: “Estou ouvindo, intuindo, uma voz que me diz: – As névoas que encobrem sua vida irão embora quando aceitar a luz em seu coração. (pausa).

Agora vejo um céu azul ensolarado, iluminado. A mesma voz está me dizendo: – Tudo que você quiser pode ter, mas tome cuidado para não se perder em seu caminho. (pausa).

Na verdade, essa voz é de uma mulher e é a minha mentora espiritual. Não a vejo, mas consigo sentí-la e escutá-la, de forma intuitiva, em pensamento.

Ela enfatiza para eu estudar, aprofundar-me na Doutrina Kardecista porque será uma escolha, um caminho a seguir, e que devo começar os estudos agora, pois se não o fizer, posso me desvirtuar seguindo um outro caminho, e aí não vou mais poder voltar atrás.

Por isso, ela pede para não duvidar, pois revela que não há mais tempo para isso, que agora é a hora certa. Pede também para eu manter a calma, confiar e seguir em frente.

Ela fala: – É necessário seguir os valores divinos para encontrar a luz da verdade, pois todos temos amor no coração. Só é preciso procurá-lo dentro de nós que encontraremos. Mantenha a calma, o foco e a paz no coração. Uma nova Era se anuncia e todas as transformações vão ocorrer para trazer a espiritualidade na vida das pessoas.

A transformação será grande e todos fazem parte dela. É por isso que Deus colocou os mentores espirituais encarnados na Terra. Muitas pessoas vão relutar, mas muitas vão relutar e se transformar. (pausa).

Ela diz que o senhor e eu também somos mentores encarnados, por isso muitas pessoas estão sendo despertadas para a consciência espiritual, através dessa terapia, a TRE.

Esclarece ainda, que por isso ela me intuiu a procurar o senhor e essa terapia para que eu me aprofunde nos estudos da Doutrina, conforme ela me disse anteriormente, pois agora é o momento de meu despertar da consciência espiritual. Então, fala que está respondida a minha dúvida da minha verdadeira missão de vida”. (pausa).

– Pergunte à sua mentora espiritual se você deve procurar outro emprego?

“Ela diz: – Nada deve mudar agora porque tudo está em constante transformação, e esse é o seu teste de paciência, onde vai precisar mostrar a nobreza de seu caráter, tendo paciência e tolerância, pois todas as situações em sua vida irão lhe ajudar a refinar sua paciência e tolerância. Tenha calma, espere, pois um novo alvorecer está chegando.

Deixe a vida te levar, agora não é hora de procurar outro emprego. É hora, sim, de deixar a vida fazer seus movimentos. Siga os pequenos passos do seu dia-a-dia e caminhe aprendendo com humildade, como vem fazendo. Os próximos passos vão depender muito dos acontecimentos e de como você vai reagir a eles. Por isso, não se pode dizer, prever. Mas o mais importante é continuar aprendendo com carinho e amor, doando-se às pessoas que estão ao seu redor. Doe sua paciência e boa vontade a essas pessoas. (pausa).

Dr. Osvaldo, a minha mentora espiritual quer lhe mandar um recado. Ela está dizendo em relação à sua terapia, a TRE, via Skype (nessa terapia, quando o paciente não pode vir ao meu consultório em São Paulo, ela é feita via Skype): – O amor transcende os limites da tecnologia; as energias, as emanações, as vibrações não têm limites. Qual é então o combustível dessa terapia, senão o amor à verdade e as vibrações de luz?

A TRE sempre dará certo – presencial ou via Skype – se os corações do terapeuta e do paciente estiverem buscando sinceramente a verdade. Por isso, algumas pessoas que saem dessa terapia sem respostas acerca da causa e resolução de seus problemas é porque não estavam sinceramente buscando a verdade.

Na verdade, elas estavam buscando – embora não admitam- o conforto para sua vaidade. Mas a verdade sempre vem quando a gente pede por ela de coração e há o merecimento. Ela finaliza dizendo que é preciso ter mais fé em mim, que daqui para frente vou descobrir minhas respostas por mim mesma, em minhas reflexões, e que a Doutrina Kardecista irá me ajudar  a andar com as minhas próprias pernas. Por isso, não precisarei mais buscar as respostas fora.

Foto: reprodução

Anúncios